A importância do Design nos Games

Design nos Games

 

Primeiramente temos que ter a clareza da importância do Design na vida dos usuários sobretudo. Um botão fora do lugar ou um layout totalmente desconfigurado podem prejudicar a experiência de muitas maneiras certamente.

 

O mais incrível é que isso acontece também nos video games. Afinal, a interface do usuário, jogabilidade e interação são fatores primordiais em um jogo sobretudo.

 

Uma boa experiência deve convencer o jogador e mantê-lo completamente imerso naquele mundo. Tudo deve ser pensando, seja o menu, barra de navegação, cenário, pontos de vida, etc.

 

Portanto, confira abaixo algumas técnicas que foram implementadas para tornar a experiência do jogador ainda mais imersiva.

 

Halo 5 – Experiência do usuário

Halo5-webframe

 

Nesse incrível game para o Xbox podemos ver a adição do formato de um capacete em volta do personagem principal.

 

A idéia de transmitir a profundidade de um jogo futurista e a imersão do jogador naquele universo caótico foi feita de maneira bem interessante inegavelmente.

 

Embora seja um pequeno detalhe que não afeta diretamente o jogo, transmite uma maior originalidade e destaque em meio a tantos jogos de tiro principalmente.

 

Pokemon GO – Interatividade

pokemongo-webframe

 

Sem dúvida não é preciso nem destacar o sucesso do Pokemon no passado.

 

Posteriormente, o Pokemon GO nos celulares foi uma verdadeira febre e fez todo mundo correr atrás dos monstros de bolso acima de tudo.

 

Embora seja uma mecânica já conhecida, o fato de te colocar como o verdadeiro treinador e a profundidade com o mundo real fizeram com que diversas pessoas aderissem a proposta de fato.

 

O grande diferencial desse jogo foi a maneira de como mostrar a animação do Pokemon diretamente na câmera, com o intuito de apresentar uma interação única dos usuários com o cenário real de fundo similarmente.

 

Assassins Creed – Pontos de Interação

Assassins-Creed-webframe

 

A saga Assassins Creed é mundialmente famosa por conter grandes mundos abertos e muita ação e furtividade.

 

Pensando nisso, a empresa sabia que era necessária uma navegação especial na tela do jogador.

 

Além dos já tradicionais mapas ao lado da tela com todos os objetos escondidos, ela também destacou cada ação que poderia ser feita ao interagir com um personagem do jogo.

 

Com certeza isso ajudou muito nos primeiros jogos da franquia, dando mais de uma opção de ação para seu jogador.

 

Battlefield – Imersão

battlefield-webframe

 

Battlefield é um incrível jogo de guerra que se destaca em sua experiência de combate e armas.

 

Além de seus incríveis efeitos gráficos, o jogo procura te inserir completamente dentro do combate.

 

Uma ótima técnica de design foi a apresentação de manchas vermelhas ao redor da tela identificando aos poucos o dano até a morte do seu personagem.

 

Esse recurso é amplamente utilizado ainda hoje e acredito ser a melhor forma de demonstrar essa reação de “quase morte”.

 

Conclusão

 

Nesse artigo vimos algumas das principais aplicações de design em jogos.

 

Graças a grandes profissionais de Game Design podemos ver como técnicas de UI e UX foram essenciais nesses projetos e proporcionaram uma melhor identidade em cada título de forma simples e original.

 

Lembra de algum outro jogo que foi marcante na sua interação ou design? Poste aqui nos comentários e vamos conversar sobre!

 

Grande Abraço!

You may also like

Avatar

Sou entusiasta em tecnologia, processos, ferramentas e tudo mais relacionado ao Design e Front End. Sou autor do WebFrame onde compartilho artigos sobre as principais inovações nesses temas.